14 maio 2015

Taxista mata ciclista atropelado e continua trabalhando normalmente


   Com a licença suspensa até ser julgado por homicídio culposo, o taxista Daniel Trindade Coelho – que atropelou e matou o ciclista Joel Fagundes, 62 anos, próximo ao aeroporto Salgado Filho, no dia 8 de fevereiro – continua trabalhando normalmente no local. Ele já havia sido condenado por outras duas mortes, há oito anos, e foi solto graças a um indulto.